FELIZ ANO NOVO / ADEUS ANO VELHO

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Não sumi,  estou de volta. Até o último instante aguardei o crédito que me anunciaram estava pronto para rodar. Mas não quiseram que isso acontecesse em 2010. Não sei se por ganancia, por mesquinhez ou por malvadeza. Dizem alguns que foi por causa do  balanço, que o BB quer lucrar ainda mais, que foi por causa do imposto de renda, etc... Uma coisa é certa, podia sair, mas não saiu. A última informação da  Previ diz que o DEST aprovou e que o pagamento depende da PREVIC.  Atiraram a culpa da frustração na PREVIC, maas essa ninguém engole e um dia vai se saber quem foram os responsáveis por mais essa frustração do funcionalismo do BB.  A notícia do último informe da  PREVI foi sem graça falando da incorporação no regulamento dos benefícios especiais. Eu  não previ o pagamento antes do final do ano, na realidade eu torci e batalhei que isso acontecesse, mas não deu. Se lerem uma postagem anterior minha vão verificar que eu falei que achava que ia acontecer em janeiro, de acordo com o que os diretores do BB falaram. Os diretores da Previ é que acenaram antes da votação com a possibilidade do crédito acontecer em dezembro. Mas isso já é passado.

O ano velho vai indo embora com sua carga de frustrações e decepções, entre as quais essa do superavit, pois que já vá tarde, pois o ano novo está espreitando logo ali com sua carga de esperanças renovadas.

Vamos agradecer o que de bom nos aconteceu, especialmente em matéria de saúde.  O importante é que sobrevivemos mais um ano em nossa caminhada.  Que tenhamos força para continuar...

Desejo aa todos um feliz, um ótimo, ano novo, pleno de saúde, paz e felicidade, junto com seus familiares.

Vamos fazer de 2011 o nosso ano.

Paz e Amor.

9 comentários:

Rubem Tiné disse...

Que o ano de 2011 seja realmente de muita paz e amor para todos nós, com muita saúde e vigor, quanto a dinheiro, ainda bem que tem o superávit e como a bovespa fechou com mais de 69.000 pontos, teremos boas notícias quando sair o balanço 2010 de Previ.

JVasconcellos disse...

A
TODOS OS COLEGAS DO BLOG
E SEM DEIXAR DE MENCIONAR O COLEGA MEDEIROS,QUE CONSEGUIU AGLUTINAR OS COLEGAS COM SUA CRIAÇÃO DESTE BLOG.

Aos Colega suas Familias que DEUS
DE MUITA SAUDE E FELICIDADES NO ANO QUE SE INICIA.
UNIDOS VENCEREMOS, NOS ENVERGAMOS MAS ,NÃO QUEBRAMOS
JVasconcellos

Jose Francisco disse...

Buenas.
Veja só a que ponto chegamos.
Tchê, o que queimaram teu filme lá no outro Blog, foi brincadeira. Tentei argumentar no sentido que tivessem um pouco mais de respeito e educação, e também sobrou pra mim. Mas as pessoas são assim mesmo. Sem analogias, lembras de Jesus e Barrabas? Acredito que sejas como o homem sábio, que construiu sua casa sobre a rocha. Vieram os ventos e as tempestades e ela não ruiu. Que 2011 seja para ti e teus familiares, repleto de realizações, e não esmorece, pois como diz nosso poeta Apparicio Silva Rillo...há um potro dentro de mim pedindo cancha!
Um grande abraço
Jose F. Rovere, gaúcho de nascimento e se assim não fosse, seria por opção.
5.498.810-1

Jose Francisco disse...

Sonhada Querência
Caco Coelho


Queria que, de repente, tudo fosse diferente,
da vida que tenho aqui, da cidade ir me embora,
Viver a vida de outrora, dos meus tempos de guri..

Queria que a minha casa fosse um ranchito campeiro,
Amigos, gente chegando,
E no fogão , um braseiro,
A carne gorda pingando, na festança do assado,
E a gaita velha tocando um chote bem compassado..

Que os espigões que nos cercam,
Fossem Umbus p'ro aconchego
Dos gaudérios assoleados, descansando nos pelegos,

Que buzinas, telefones, ruídos que nos consomem,
Martirizando a existencia,
Fossem passaros cantores, nativos,
anunciadores de uma sonhada querencia,

Queria que, de repente, tudo fosse diferente,
da vida que tenho aqui,
Da cidade ir-me embora, viver a vida de outrora,
dos meus tempos de guri.

A cambona no costado, do forte calor do fogo,
no terreiro o eterno jogo do sol nascendo e se pondo...
De mão em mão o porongo, no apojo do mate amargo..
Um cusco junto comigo,
Olfateando p/ churrasco...
Ouvindo o bater dos cascos, de alguém que ao longe se vai ...
Pisando o treval maduro, das barrancas do Uruguay ..

Queria que, de repente, tudo fosse diferente,
Da vida que tenho aqui, da cidade ir-me embora,
Viver a vida de outrora, dos meus tempos de guri ...
Jose F Rovere

Anônimo disse...

Pois é, Dr.Medeiros, se foi o Ano Velho, e como o senhor disse, ja vai tarde mesmo...
Vamos esquecer a frustaçao de nao entrarmos 2011 com algum extra no bolso para equilibrar nossa vida financeira.
Mas, eu pergunto, assim como alguns colegas perguntaram, com este novo governo, com esta "dança das cadeiras", temos alguma esperança deste credito sair antes de 20/01 ??
Acho que a coisa pode realmente ficar "marcando passo" por dias...
Francamente confesso que contava com este credito para começar 2011 positivamente, zerado de dividas e quem sabe ate tirando uns dias de ferias para relaxar, alias penso que este era o plano de muitos.
Gostaria de ter um parecer da sua distinta e bem informada pessoa sobre a Previ agora ficar nos enrolando com a desculpa do novo governo e etc...
Ah, em tempo, Dr.Medeiros contamos com a sua força para cutucar e cutucar as "corujas".
As "corujas" nao pagaram, maa tenho certeza que ficaram com os pescoços virados ate hoje ka,ka,ka
Quem sabe na proxima cutucada elas resolvam abrir as asas...

Grande abraço de Ano Novo

Guilherme

Jorge Teixeira - Araruama (RJ) disse...

Colega Medeiros,
Sem o nosso “dindin” ainda em poder da Previ, sem um “qualquer” da mega da virada, sem luxo nem riqueza. Cerveja, refrigerantes, espumantes e vinhos baratos daqueles vendidos em supermercados populares. Um churrasco com carne, linguiça, asa e coração de frango, além de um gostoso queijinho na brasa. Tudo isso graças às “visitas” que fiz ao meu cheque especial e ao cartão de crédito. Pois é, assim “pisei” em 2011. Feliz da vida por estar com saúde e junto a minha mulher, meus três filhos, suas sogras e sogro, e netos, um já com sete anos e outro com apenas um mês, cuja presença acabou de ser confirmada na barriga da minha nora Christine. Coisas simples realizadas na casa da minha filha mais velha Andrea. Não há dinheiro no mundo que pague a satisfação de poder reunir toda a família numa data como essa em clima de paz, harmonia e felicidade. Esperanças e pedidos renovados para que possamos ter um 2011 melhor para todos, foco principalmente voltado para os familiares, entes queridos e próximos além da comunidade de associados do “PB-1”. Como venho repetindo nos últimos comentários os aposentados, as pensionistas e os colegas da ativa devem procurar permanentemente conviver em clima de educação e respeito, principalmente quando há diferenças na maneira de encarar determinadas situações. Quer queiram ou não entendo que estamos todos sob o mesmo teto.

Anônimo disse...

Colega Medeiros, primeiramente um Prospero Ano de 2011, com muita saude e paz a voce e familiares.
Gostaria de saber se o colega acha que ha alguma possibilidade do credito inicial sair bem antes do dia 20/01 porque confesso que estou louco para sair de ferias, mas contava com esta ajuda extra para isto.
Senao pela primeira vez em muitos anos terei que apelar para o ES da Previ para minhas merecidas ferias.
Acredito que este credito nao saiu em dezembro devido ao banco X imposto de renda X balanço e etc...

Abraço Vitor Hugo

Anônimo disse...

Dr.Medeiros,o Sr. tem alguma informação sobre quando será creditado os 20% dos aposentados, passamos o natal e ano novo sem dinheiro, será que teremos que esperar até 20/01, no maior sufoco enquanto os diretores da Previ e do BB se esbaldam em férias milionárias.
Se a Previc já deferiu o acordo e a Previ não credita nas nossas contas para onde vai os juros de cada dia que o nosso dinheiro fica presso nas mãos desumanas de quem detem o poder?

Anônimo disse...

Dr.Medeiros,o Sr. tem alguma informação sobre quando será creditado os 20% dos aposentados, passamos o natal e ano novo sem dinheiro, será que teremos que esperar até 20/01, no maior sufoco enquanto os diretores da Previ e do BB se esbaldam em férias milionárias.
Se a Previc já deferiu o acordo e a Previ não credita nas nossas contas para onde vai os juros de cada dia que o nosso dinheiro fica presso nas mãos desumanas de quem detem o poder?