MONITORADO

terça-feira, 3 de julho de 2012

Tenho dito que meu blog é monitorado e seguidamente é invadido por vírus, que me dificulta o trabalho de postagens.

Alguns colegas acham graça.  Outros dizem que tenho mania de perseguição ou super valorizo o blog.

Tenho dado várias provas. Aliás o Sasseron reconheceu isso aqui na AFABB-RS quando veio proferir palestra e fez referência às críticas que o blog lhe fez na questão do reajuste do empréstimo simples e das medidas contra a resolução 26.

A última foi de quando afirmei na semana passada, na terça feira à tarde, que a PREVI estava retardando a remessa de documento que eu havia solicitado,  de maneira que tomaria as providências junto ao Juiz do feito.

O documento chegou nesta segunda feira.  Foi remetido na quarta feira.  Coincidência ? Pode até ser, mas é muita coincidência, não é mesmo ?

Prefiro acreditar em monitoramento, aliás conforme um funcionário (ou será funcionária ?) da PREVI me informou.

Então, se é assim, acho que os debates sobre o empréstimo simples vão ser útil.  Os comentários, embora não tão abundantes e detalhados como eu gostaria que fossem, mas de bom nível, que merecem ser lidos,  servirão de subsídios para novos estudos, especialmente com relação ao alongamento dos prazos e baixa dos juros, pois há espaço para tal.

Quanto aos vírus já limpei. Estavam no JAVA. Vamos aguardar o próximo ataque. Que, aliás, é bom que se diga, não vem apenas de um lado só, da frente. Vem dos lados também.

Mas vamos em frente, apesar da derrota na cesta alimentação e na renda certa.

Não podemos se entregar pros homens, como diz a canção gaúcha. De jeito nenhum.

20 comentários:

Anônimo disse...

Doutor Medeiros,

É evidente que o sr. dispõe de Colaboradores qualificados para operar seus Equipamentos, mas para combater esses "invasores" é necessário ajuda do pessoal do bem: os HACKER.

Juarez Barbosa disse...

Prezado colega Dr. Medeiros,

Peço que retire de seu Blog o "link" de meu Blog, pois o mesmo foi desativado recentemente.

Um fraterno abraço.

Medeiros disse...

Prezado Juarez,

Vou retirar.

Lamento o encerramento do seu blog, que prestou relevantes serviços à classe.

E´ uma perda inestimável.

Espero que participe dos comentários do meu blog.

Medeiros

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, boa tarde. Falo da mais linda cidade do mundo. Levei um susto quando tentei acessar o seu blog outro dia e havia o aviso de que este endereço não mais existia. Agora posso respirar aliviada. Mas o que me traz aqui é a necessidade de comentar que me aflige toda esta energia gasta atravès de apelos pelo ES. Deviamos estar lutando pela melhor remuneração dos salários. Conversando com um dos conselheiros eleitos pela chapa 6, ouvi dele, que uma das lutas que fariam seria pelos 80% das pensionistas. Vamos cobrar! Não serão os 100% que queriamos, mas já seria uma grande coisa. Salários então nem se fala. Há muito que estão defasados. O lutar apenas pelos empréstimos não leva a nada.

Cláudio Roberto Almeida disse...

DR.

Permita-me chamá-lo assim na intimidade. Quando vejo políticos reclamarem que seus telefones foram grampeados,entendo que é confissão de que disseram o que não é legal. Meu telefone, sigilo bancário etc podem ser grampeados e monitorados à vontade, não tenho nada a esconder. Por que eles reclamam? Fácil, não?
O Dr. pode ser monitorado à vontade, é até bom, pois eles ficam sabendo que queremos a REVISÃO DO ES 180/180 JÁ. Depois vamos analisar os imóveis nababescos que a Previ está comprando. Melhor dizendo, "terrenos". Com relação às decisões judiciais desfavoráveis, bem, os ministros do STF são onze, para não haver empate. Nem sempre eles se entendem.
Torno a repetir de novo, ES JÁ, porque é a única coisa que podemos conseguir. Pior, melhor que nada. O resto é conversa mole.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, vamos continuar todos nós aposentados, pensionistas, assitidos, avisando e dizendo pra eles, que o melhor investimento da NOSSA Previ hoje é o ES-180/180, não tem nenhum risco da baixa de ações de perdas, de inadimplencia.O que eles querem mais? Será que é só nos sacrificar, OS VERDADEIROS DONOS DA PREVI, e eles que voram eleitos por alguns, não têm nenhum respeito com seus eleitores., QUE VERGONHA CHAPA 6, TAMBEM É O DOBRO DA CHAPA 3.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, gostaria de saber no
que, "realmente" implica para nós, pensionistas, a retirada do patrocinador. Faço uso de CDC(s), não fico com quase nada da pensão pois é descontado mais de dois mil reais de cds, parcelamento de cheque especial e ourocard; meu nome está com restrição no serasa, enfim... que saída tenho?

Um abraço a todos!

Uma tarde de Paz!

Anônimo disse...

Caro colega Medeiro,

Lutarmos pelo realinhamento do Empréstimo Simples com valores mais elevados, prazos mais longos e menores juros parece-me justo, principalmente levando-se em consideração a situação dos colegas que, por liquidarem débitos com abatimento negocial, estão impedidos de operar com o Banco e, consequentemente, não se beneficiaram do programa "Bom para Todos".
Parece-me que o Banco do Brasil não tem mais consideração com esses ex-funcionários que deram os melhores dias de suas vidas defendendo os interesses da própria instituição e, hoje, quando dela precisam, não conseguem nem sequer reescalonar o valor do abatimento negocial ao amparo daquele programa.
A meu ver, as nossas associações deveriam reivindicar do Banco do Brasil a revisão de critérios no que se refere aos casos envolvendo os funcionários aposentados que se encontram nessa situação.
Filomeno José Linard Costa
Matr. 3.288.840-6

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Pq a Faabb não te convidou para reunião agendada para tratar da retirada de patrocínio em Brasília? Se sentiu preterido? Está triste?

Profº Ari Zanella disse...

Amigo Medeiros,

Assim que recebi seu pedido me dirigi ao Centro de Eventos Cao Hansen e nas bilheterias foi-me dito que está lotada, e não há mais ingressos disponíveis para a Noite de Gala. Ele mostrou-me a tela do computador, toda em vermelho, nenhum assento em verde.
Como consolo, o atendente me disse para ficar "tentando" na internet pois se houver desistências ou alguém não concretizar o pagamento no cartão, o ingresso volta para ser comercializado. (acho pouco provável esta opção). Falei até com o Valentim que talvez conhecesse alguém do Festival mas também foi em vão. Lamento não poder ajudar.

Forte abraço.

Ari (Faço por esta via porque perdi seu endereço eletrônico.)

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Cadê a chapa eleita, a 6, que não se manifesta diante dos veementes
apelos dos aposentados endividados.
Estaria se econdendo?
Dêem as caras, seus covardes!!!
É pelo ES 180 x 180 que todos clamam!!!
Façam isso, enquanto o BB não sai do patrocinio.

Medeiros disse...

Sobre a reunião da Faabb, respondendo ao anônimo das 16,45, talvez porque eu já seja considerado carta fora do baralho e esteja ficando esquecido. Fazer o quê ?
Triste nada ! Tem coisas piores para a gente sofrer.

Anônimo disse...

Mas caro dr. Medeiros,

O senhor não pode ficar de fora da reunião da FAABB.

Qual o motivo ?


Ernesto RJ

Medeiros disse...

Colega,

Já falei sobre isso e não toco mais no assunto. Isso já ocorreu antes e certamente não será a última vez que não serei convidado a participar de um evento. Ninguém é obrigado a me convidar. Não sei e não me preocupa o motivo.

Existem outros assuntos e outras reuniões.

Gostaria de participar de uma sobre empréstimo simples, por exemplo.

Já tenho bastante confusão por aqui. As coisas andam complicadas na Justiça.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Tenhp grande admiração pelo senhor por tudo que tem feito por nós.

Desculpe se eu insisto. Será que a sua exclusão é porque o doutor não está preocupado com a retirada do patrocínio do plano 1 e eles dão como certo ?

Me responda, por favor.

Leda.

Medeiros disse...

Eu também estou preocupado, embora ache inviável ou quase impossível que o BB tome essa atitude.

O que acontece é que o Ruy Brito tem toda a minha confiança para tratar do assunto e sei que está atento. O que fizer está bem feito, pois é mestre na matéria.

E fim de papo.

Anônimo disse...

Gente, para com isso! Essa historia de que demos a vida para o Banco,ou de que "tudo que tenho devo ao Banco"! Melodrama. Banco é Banco, é impessoal e frio.Comeccem a ver as coisas por esse prisma e parem de chorar. Quanto à reunião da FAABB e a Dona Isa afirmar que a retirada vai acontecer,na contramão do que afirma o Banco, MISE-EN-SCENE.Talvez, não lhe convidaram, Dr., porque não vai caber tanta gente na foto.

Anônimo disse...

Andei lendo a lista dos convidados e me pareceu que nela estão os que foram candidatos para a Cassi e Previ (e alguns apoiadores declarados) mas que perderam as eleições. Acho que esse encontro é dos perdedores.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, vamos continuar nossa luta pelo ES-180/180, contamos com o senhor para lutarmos juntos. Desde já agradecemos sua fiel colaboração.

Anônimo disse...

Empréstimo Simples 180/180 e fim de papo.