VAI A CONTA GOTAS

quarta-feira, 15 de maio de 2013

A reunião do CNPC sobre a retirada de patrocínio dos fundos de pensão não terminou.  A Resolução não saiu ainda.  Foram aprovados apenas os pontos não polêmicos.  Seis destaques serão apreciados e decididos na próxima segunda feira, dia 20 de maio.


A questão da reversão de valores para os patrocinadores não foi eliminada e a sua manutenção é um perigo face à resolução 26.

Portanto, a reunião do dia 20 será de importância vital e nossas entidades precisarão manter a vigilância.

Outro assunto que vai pingando a conta gotas é o relativo ao teto de contribuição.  Havia esperança de que a Advocacia Geral da União pudesse ajudar a colocar as coisas nos devidos trilhos, mas o parecer  do órgão foi escorregadio e devolveu à Previc a jurisdição para decidir a pendência, afirmando que além de fiscalizadora ela pode orientar os fundos de pensão a respeito.

Sabido que José Rabelo, diretor superintendente da Previc, foi vice presidente do BB, fica evidente que há conflito de interesses no caso, que parece vai demorar ainda para ter uma solução justa, que respeite os interesses dos participantes.

E a folha de maio ?  Até agora não foi processada ainda.  Acabei de entrar no site da Previ. Tudo por conta da atualização dos atrasados referentes à antecipação do reajuste. Os cálculos estão demorando demais.  Estou curioso.

Como se vê, tudo anda devagar em nosso mundo, a conta gotas.


73 comentários:

Anônimo disse...

Nossas associações precisam estar presentes (mesmo sem convite) munidos de advogados nesta reunião da CNPC.
Impossível acreditar que deixem passar em branco (sem a presença); tal acontecimento que envolve nossos bolsos.
É uma questão de distribuição de herança!

Anônimo disse...

A reversão de valores para a patrocinadora está atrelada à RS 26/08.
Agora, Inês é morta, ante a morosidade da justiça para julgar a ilegalidade daquela RS.

Anônimo disse...

SR. Doutor,

As associações podem interferir nas reuniões com Mandado de Segurança, pró-participantes, uma vez que o universo de interessados é enorme, em todos o país?
O caso está sendo "discutido" por meia dúzia de não participantes dos fundos de pensão.
Decidem sobre nossas vidas que não temo mínimo interesse na condição dos fundos.
SMJ

Anônimo disse...

Bom dia,Dr. Medeiros.Telefonei para o 0800 da Previ,perguntando sobre a folha de pagamento,e uma voz bem cômica,disse:" o senhor está muito apressadinho,espere o maio acabar de entrar".Edmílson em Januária mg.

Anônimo disse...

Dr Medeiros, e as pensionistas? Nada fazem por elas , promessas feitas para enganar os velhinhos trambiqueiros. Não sei se dou rizadas ou choro diante de tal situação.Penso na minha que se eu partir para o outro mundo antes dela como vai viver? Já instrui , Justiça Neles!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!.

Anônimo disse...

Esta folha de pagamentos da Previ é uma vergonha, o INSS com os milhoes de aposentados tem data marcada para ser processada com 1 ano de antecedencia, como é que a PREVI não consegue ter uma data certa para o processamento.

Goulart disse...

Dr. Medeiros e colega aposentado, é de suma importancia a presença das associações de aposentados e pencionistas, na proxima reuniao sobre retidade de patrocinio, a ser realizada dia 20 de maio. Devemos conclamar, cada associado com sua associação para a presença, como foi dito acima, de preferencia com seus advigados, para verificar o veridito final, pois existem interesses financeiros importantissimos a todos nos aposentados e pencionistas obrigado se postar. aposentado bb de Cambé-PR.

Paulo Beno disse...

No site da ANAPAR, afirmam que "Dois terços das propostas apresentadas foram aprovadas, restando 6 propostas(1/3) para concluir no dia 20 de maio",
LOGO:


Seriam 18 propostas em pauta na mesa de discusões, 12 propostas JÁ estão aprovadas (2/3).
QUAIS FORAM ESTAS 12 PROPOSTAS JÁ APROVADAS?

Anônimo disse...

QUERO ACOMPANHAR A POSIÇÃO DA ANABB QUANTO AOS ASSUNTOS CITADOS, ELA TEM QUE SAIR DA INÉRCIA, SOU ASSOCIADO E O QUE ME PRENDA A ELA É TÃO SOMENTE A AÇÃO IR 1/3 PREVI QUE SE ENCONTRA EM FASE FINAL. ESPERO QUE ELA ATUE FIRMIMENTE COMO NOSSA REPRESENTANTE, POÍS SOMOS NÓS QUE A MANTEMOS.

Anônimo disse...

Não deveriam ser aceitos ex-diretores, nem ex-vices ou ex-presidentes do BB para ocupar cargos na Previc. Sabemos que tudo farão para beneficiar o patrocinador BB, que lhes retribuirá com novos cargos assim que deixarem a Previc. O Rabelo já foi vice-presidente do Banco, como informou o Dr. Medeiros. Podemos esperar algo de bom para os aposentados e pensionistas? Acredito que não.

Anônimo disse...

Alguem por favor ajuda a Previ fazer os cálculos do GRANDE aumento na folha de Maio.Parece que estão com dificuldade.Hoje são 15 e nada de contracheque no site.
Se fosse para debitar algum valor já estaria pronto, hehehehe....

Anônimo disse...

Porque tanta ansiedade em saber sobre a FOPAG? Com certeza o crédito sairá dia 20, pelo menos é o que ocorrido nos últimos 100 anos. Quanto aos atrasados, somos funcionários e/ou aposentados do BB, ou ignorantes que não sabem sequer calcular 3,82% sobre o vencimento anterior, deduzir mais ou menos 40% de encargos, multiplicar por 5 (jan a maio) e acrescentar ao líquido do mês de abril? Ou alguém está esperando uma surpresa? Ora, ora, ora. Quanto ao anônimo das 10:24, o INSS não está com essa bola toda, não. Tente obter o lançamento futuro do crédito com 48 horas de antecedência, pra você ver.

Anônimo disse...


QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

Jogo do Hífen: conta-gotas ou conta gotas?


O certo é: conta-gotas


Usa-se o hífen quando duas palavras com identidade e significado próprios se juntam e formam um terceiro significado.


ATENÇÃO: exceto quando denominam espécies vegetais e animais ou em casos consagrados, as locuções não são escritas com hífen. Ex.: mão de obra, dia a dia, café da manhã, pé de moleque. Cheque as exceções nos dicionários atualizados conforme o novo Acordo Ortográfico.

(Fonte: http://educarparacrescer.abril.com.br/regras-hifen/index.shtml).

Anônimo disse...

O site “Infomoney”, especializado em bolsas de valores, estampa matéria hoje, 15.05.13, cujo título é: “Bolsas europeias atingem novas máximas puxadas por ações suíças”. Trata-se, segundo o site, do maior nível desde meados de 2008. Todos entendem e aceitam que hoje vivemos numa economia globalizada. Gostaria de saber se o Senhor tem alguma explicação para o que poderia estar acontecendo aqui na Bovespa, que está visivelmente na contramão do que se observa lá fora.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

A PREVI VAI A CONTA GOTAS!.

O negócio da PREVI é, dentre outros, mandar os beneficiários ESPERAR.

Veja abaixo e tire suas conclusões.

Mandei, em 12.04.2013, à PREVI, o seguinte e-mail, que a PREVI respondeu-me para esperar.

Observe que o assunto é aaantiiigo.


"Senhor James,

Conforme já divulgado em nosso site, a PREVI aguarda as definições da Receita Federal para tomar as providência necessárias ao cumprimento da nova instrução. Tão logo essas definições estejam esclarecidas, a PREVI adotará as providências cabíveis e dará ampla divulgação aos participantes. Pedimos aguardar."

Permanecemos à disposição.

ROBERTO PEREIRA GONCALVES
Gerência de Atendimento
PREVI

O retorno desta mensagem não é monitorado. Caso necessite respondê-la, encaminhe sua mensagem por meio da seção Fale Conosco, opção Participante.

-----------------------------------


Data: 07/05/2013 10:06:19
Assunto: Imposto de Renda
Tipo: Solicitação

Mensagem:
Assunto: IN 1343, de 08.04 e republicada em 17.04.13, da RFB.

Mandei correspondência à PREVI em 12.04.13, sobre o assunto.

A resposta foi no sentido de esperar.

A Previ publicou matéria a respeito para esclarecimento e pede esperar.

A PREVI não tem que mandar petições sobre esclarecimentos à RFB, mas tem que manter entendimento direto com aquele órgão, no sentido de agilizar os entrames de como devolver os recursos pagos em duplicidade.

Estamos pagando Imposto de Renda a Maior, pois urge a PREVI desentranhar a burocracia para que os recursos sejam-nos devolvidos.

Espero que os cálculos seja-nos disponibilizados com urgência.

Fico, mais uma vez, a esperar uma boa resposta.

James Paiva











Anônimo disse...

Colegas,

A tal Previc é CABIDE DE EMPREGO/Cabo eleitoral do Ex-lula.

Só vai para a Previc/Previ/bb também quem é alinhado com a maldade para com os idosos.
Loucura!

carlosdomini disse...

Colega daí de cima este contra-cheque nossso está mais enrrolado que a votação MP dos portos
Acho que as mentes brilhantes não conseguiram achar uma fórmula matemática para nos ferrar mais e estão na pirraça.A noite sai do ar e por ai vai

WILSON LUIZ disse...




Por diversas razões,o teto de benefícios pagos pela PREVI acabou não sendo implementado. E, em 2010, o Conselho Diretor do Banco decidiu retirar a sua concordância e autorização para implantação do teto.

A Previc questionou a decisão por entender que a não implantação do teto daria aos dirigentes do BB uma condição de aposentadoria diferente dos demais participantes do plano, uma vez que teriam incorporados em seus cálculos de benefício valores que não eram considerados para os demais participantes.

Em função da polêmica, o processo foi encaminhado pela Previc à Advocacia Geral da União (AGU), solicitando sua manifestação quanto a presença ou não de conflito de interesses na decisão da Diretoria de 2010, que cancelou a autorização para imposição de o teto de contribuição e benefício.

A AGU entendeu que, embora a decisão da Diretoria do Banco pudesse beneficiar apenas aos dirigentes que tomavam aquela decisão, não se configuraria “conflito de interesse” porque aquele era o órgão legítimo para a tomada de decisão, porém manteve o entendimento de que a Previc é um órgão de fiscalização e tem poderes para orientar e até determinar questões, devidamente fundamentadas aos fundos de pensão.

Na reunião do dia 08/05, o superintendente da Previc informou que mantém seu entendimento da necessidade de teto de contribuição e de benefício para os dirigentes estatutários do Banco do Brasil, nos limites das diferenças entre os salários desses cargos e o NRF Especial de 31/03/2008.

José Maria Rabelo deixou claro que: o limite referir-se-ia à parcela de contribuição à Previ e ao benefício a ser pago pela mesma e não ao benefício a ser recebido pelo executivo do Banco. Caso o benefício do executivo tivesse que ser superior ao teto da Previ, não há impedimento para que o Banco pague a seus executivos, quer seja na ativa ou após a aposentadoria, o valor que julgar mais adequado como política do BB e não da Previ.

Fonte ANABB

Colega postou comentário em que dizia que a Advocacia Geral da União teria "lavado as mãos" sobre o estabelecimento de teto para pagamento de benefícios pela PREVI.Acho que não é bem assim, ela estabeleceu pontos importantes, como a competência da PREVIC em estabelecer o teto. Alguns dizem que o superintendente daquele órgão, o sr. José Rabelo, estaria a serviço do Banco do Brasil, por ter sido vice-presidente. Não é o que suas declarações dão a entender, já que por várias vezes ele se manifestou favorável a implantação do teto.Acredito também que, como funcionário aposentado do Banco do Brasil, ele deve estar preocupado com os efeitos financeiros desta "mutreta", em que altos funcionários recebem gordas aposentadorias sem qualquer contribuição; de qualquer forma, são assuntos a conferir.
Achei divertidíssimo que o sr. Rabelo afirmasse que, se os altos executivos fossem receber benefícios acima do teto da PREVI, seria por conta do Banco do Brasil. BRASILPREV neles, aí eles vão ver o que é "bom pra tosse".

















WILSON LUIZ disse...

Caro anônimo 15:13 hs.
Salvo opinião contrária de nosso "expert" no mercado de ações, o dr. Medeiros, acho que a BOVESPA apenas reflete o receio do mercado financeiro sobre a errática política econômica do governo petista. Uma administração que conseguiu fazer com que a PETROBRAS, que já foi a empresa petrolífera mais valiosa do mundo, e hoje vale menos que sua similar da Colômbia, merece algum crédito? Fosse você europeu ou norte-americano, aplicaria seu rico dinheirinho por aqui?

Felipe disse...

CADÊ O CONTRACHEQUE, ES JÁ FOI DESCONTADO E NADA DELE AINDA.

fernando disse...

DR, MEDEIROS, A PREVI deve estar calculando a diferença do nosso AUMENTO RETROATIVO com uma máquina FACIT,aquela de manivela.

Anônimo disse...

Como tem pessoas sem educação nesses nossos dias. Sem educação e covardes, pois não se identificam. Anônimo anônimo, se tens o dedo pesado para escreveres grosserias, deverias ter a hombridade de identificares. Seja homem e assuma o q dizes. Celio Vilela

Anônimo disse...

saiu o contracheque.

Anônimo disse...

Pessoal, a Previ liberou nosso contracheque, a meu ver, com erros. Faltou o BET retroativo, relativo a diferença salarial de janeiro a abril (20%). Favor verificar. Obrigado. Celio Vilela

Pensionista sem Voz disse...

Prezado Dr. Medeiros,

Já está disponível o contracheque de maio no site. Parece q tá cheio de erros.

A PREVI, além de não incluir a diferença dos 4 meses do BET + 13o, parece q não reajustou meu benefício em 3,82% (ou 3,819%). Ficou faltando R$ 27,64 pra chegar aos 3,819%, fazendo com q eu tivesse um reajuste de aproximadamente 3,42% (0,399% a menos).

Aconteceu com mais alguém?

Além disso, como a base de cálculo de IR PREVI foi sobre o total, incluindo a soma dos 4 meses de difernça pagos este mês, foi descontado R$100,00 a mais de imposto de renda.

O prejuízo total chegou, no meu caso, a mais de 400 Reais.

Q a PREVI corrija essa bagunça q foi feita na folha deste mês.

PENSIONISTA disse...

FALCATRUAS E MAIS FALCATRUAS NO NOSSO CONTRA CHEQUE. CADE O AUMENTO PROMETIDO AS PENSIONISTAS NA EPOCA DO ACORDO . MENTIRAS EM CIMA DE MENTIRAS. TO MUITO CANSADA . ESPERO RECEBER NA JUSTIÇA MEUS 100% DO QUAL TENHO TODO DIREITO

Anônimo disse...

Não foi paga a diferença do 13 também.
Pega ladrão!!!!!!!

Anônimo disse...

Colega anônimo de 15:01, agora você entende a ansiedade de quem perguntou pelo contra cheque?
Já sabemos que estamos lidando com gente não muito honesta e como eu pensei, tem muito erro no calculo do reajuste.Nao calcularam sobre o BET e não pagaram a diferença do 13 que foi adiantado no mês de Abril.
E também o percentual não foi de 3,82%, foi menor.

lourival disse...

A Previ já começou a nos dar o calote.Além do aumento ínfimo deixaram de fora a diferença dos 4 meses do BET e 13 salário.Quanta maldade com os aposentados.

carlosdomini disse...

Célio Vieira
Já reclamei da Previ estou aguardando a resposta. Sempre alerta

Pensionsita sem Voz disse...

Parece q teve mais gente com um reajuste inferior a 3,819%. No meu caso foi de aproximadamente 3,42%, como se tivessem deixado de calcular o INPC de praticamente um mês inteiro (menos 0,399%). Se puderem, façam os cáculos depois. Alguns receberam de maneira correta, como o Prof. Ari Zanella. Fica uma dúvida então se isso aconteceu só com pensionistas ou se alguns aposentados tbm tiveram um reajuste inferior.

Não terem dado os 3,819%, pra mim, é o mais preocupante, pois o resto está tão na cara q fica impossível qualquer justificativa. Já os 0,399% q estou perdendo, tenho medo de ficar por isso mesmo. Até pq, como o valor é relativamente pequeno (no meu caso R$ 27,64), muita gente pode nem notar o cálculo errado q a PREVI fez. Eu só notei mesmo pq havia feito uma simulação de qto eu receberia este mês. Pelos meus cálculos, receberia brutos pelo menos R$ 400,00 a mais. Com os R$ 400,00 a menos, fui procurar entender onde havia errado, qdo descobri q o erro não havia sido meu, mas da PREVI.

carlosdomini disse...

Meu caro Célio, não aguentando a espera d resposta de meu questionamento sobre o calculo da diferença do BET telefonei para o 0800 e veio a bomba da resosta. o BET nuca é pago sobre diferenças atrasadas e sim a do próprio mês. Sei que fui injusto na raiva do momento em responder a pesquisa da Previ dei um completamente insatisfeito não a atendente e sim as entrelinhas destes regulamentos.Agora pergunto de quem foi est ideia brilhante de antecipação de reajuste viam mais este prejuizo pois não conta para o BET

carlosdomini disse...

Celio,segue agora a resposta oficial da previ sobre diferençs do BET



Senhor Carlos Emidio,

Não há previsão regulamentar para pagamento retroativo do Benefÿcio Especial Temporário.

Como o Benefÿcio Especial Temporário é apurado com base nos dados efetivamente constantes das bases cadastrais e financeiras na data do cálculo e constitui-se em medida para utilização do resultado superavitário do Plano de Benefÿcios 1, não cabe qualquer pagamento retroativo decorrente de revisão dos valores já pagos, de acordo com o parágrafo 1º do artigo 87 e o item XXXI do artigo 110 do Regulamento.

Permanecemos ÿ disposição.

LUZIANE COSTA LONGA MACHADO AZEVEDO
Gerência de Atendimento
PREVI


Mesmo assim considero satisfeito pois mostra que enquanto alguns discutem o indiscutível não deixamos passar camarão pela malha como se diz aqui na bahia continuemos pois de olhos abertos dias piores virão

Anônimo disse...

O mais correto seria dar o reajuste incluíndo até o INPC de abril, para depois em janeiro dar do período de maio à dezembro. E a partir daí o reajuste anual em janeiro, do período correto.
Fizeram uma NHACA. Não dá pra entender nada.
Maurício/Tubarão(SC)

Anônimo disse...

Fizeram todo aquele alvoroço e destaque para recebermos este vergonhoso reajuste?
Mas que piada de humor negro. OLha, meu bom colega e~sábio Medeiros, não me leve a mal, mas francamente começo mesmo a pensar que a Previ tornou-se um "caso perdido" vai ter que ter muito jogo de cintura para termos melhorias dignas e justas.
Ta realmente ficando feia a coisa!!

Viana

Anônimo disse...

NOOOOOOOOSSSSSSSSSSSA!
Não acredito na resposta dada pela Previ.
Socorro meu Deus! Eles já tem certeza da impunidade e da brincadeira que é a nossa Justiça.

Pensionista sem Voz disse...

Parabéns PREVI !!!!

Qdo disse q não haveria justificativa, esqueci q lidamos com a astúcia da PREVI em sempre nos prejudicar.

No meu caso, o prejuízo líquido ficou em exatos R$ 220,81, contando com a diferença do 13o q a PREVI ficou sem explicar pq não incluiu na folha deste mês.

Supondo q 200 Reais foi o prejuízo médio dos participantes, a PREVI terá econmizado este ano, uns R$ 20.000.000,00 (VINTE MILHÕES DE REAIS !!!). Pra onde vai essa "economia", a gente já sabe.

Anônimo disse...

Ilustre Mestre MEDEIROS:


Já vi muita DESFAÇATEZ neste mundo, mas essa de não aplicar o reajuste do BET nos meses de janeiro/abril/2013, alegando não haver previsão legal é de estarrecer e repugnar qualquer pessoa!

Quando do pagamento do Benefício Renda Certa, ao ser interpelada, a PREVI não soube explicar como fez os cálculos nem porque alguns ganharam (aqueles que ganharam alguma coisa) R$ 1.000.000,00 e outros R$ 200,00, DEIXEI DE ACREDITAR PARA SEMPRE NA SERIEDADE E CAPACIDADE GERENCIAL DA PREVI E, PASSEI ATÉ A FAZER UMA POUPANÇA PRÓPRIA, POIS ESSA PREVI CEDO OU TARDE VAI NOS DAR O CALOTE OU VAI A FALÊNCIA, FACE TANTA INCOMPETÊNCIA.

Isto que ela fez é rematada MÁ-FÉ e é passível de ser enquadrada não só cível como PENALMENTE. Se ela pensa que vai escapar dessa sem consequências, está redondamente enganada. QUE CHOVAM AÇÕES JUDICIAIS CONTRA A PREVI; NÃO TENHO NENHUMA PIEDADE OU O MÍNIMO REMORSO, POIS ELA É INDIGNA,POR MENOR QUE SEJA, DE NOSSA SOLIDARIEDADE E CONFIANÇA!

JOSÉ AFONSO SOBRINHO - Natal - (RN), 16.05.2013

Anônimo disse...

Carlos Domini, primeiramente agradeço a sua atenção. Medeiros e colegas, mas que gracinha é esta Previ... mais gracinha ainda é o Marcel. Se demorou o pagamento foi por incompetência sua, Marcel. Quando interessa, a decisão sai rapidinha. Vejam a MP dos Portos, q está no Congresso. Mas, quem somos nós os aposentados da Previ? Nadica de nada... E é assim q nos tratam, como NADA. Celio Vilela

WILSON LUIZ disse...

Alguns comentários sobre dúvidas de colegas referentes ao processamento da FOPAG maio/2013:

-o aumento do desconto de imposto de renda na fonte acima do índice do reajuste,sempre foi assim, é só conferir nos contra-cheques em anos anteriores, no mes de junho. Isto ocorre porque o pagamento de IR normal é "fatiado" em várias alíquotas, e o referente ao reajuste entra todo na faixa de 27,5%;

-no tocante à não concessão de adiantamento do 13º sobre o novo benefício, tanto o Banco do Brasil quanto a PREVI sempre fazem um único adiantamento, em abril, não tem muita importância, pois o acerto correto é feito em novembro;

-grave, muito grave, é o não pagamento do BET sobre os valores atrasados, isto é prejuízo completo. Segundo a PREVI teria respondido a consulta de colega, o BET não pode ser pago sobre valores atrasados. Como???? e o pagamento da primeira parcela, em 2011, não incidiu sobre os 12 meses de 2010, retroativamente???? Como vamos arcar com este prejuízo, se a antecipação do reajuste para janeiro foi iniciativa da PREVI, nós não pedimos!!!! Que m..., mais uma avalanche de ações judiciais para aumentar o passivo da PREVI.

Anônimo disse...

Pessoal, assim q sair o reajuste de junho "nois fais" as contas definitivas. Cálculos preliminares já indicavam uma pequena perda devido a antecipação. Agora, sem o BET retroativo, as perdas deverão ser maiores. É menos pão na mesa dos aposentados. É mais dinheiro q vai ser incorporado a superavits futuros para o BB levar a metade. Beleza pura... para o BB, claro. Celio

Anônimo disse...

DR. MEDEIROS,

Analisando minha FOPAG de maio/2013 no site da Previ, verifiquei que não foram creditados valores referentes ao BET incidente sobre a diferença do reajuste de 3,82%, ou seja, incidente sobre os valores pagos a menor pela PREVI de jan a abr/2013, assim como, o valor referente ao adiantamento do 13º salário. Busquei esclarecimentos junto à PREVI, através do 0800, tendo a atendente informado que:

a) 13º salário: não há acerto de valores creditados a menor. O acerto ocorrerá somente na folha de novembro/2013. Registrou, ainda, que não está havendo perda para os participantes do plano 1, pois, o valor creditado a menor em abril será acertado em novembro.

b) BET: de acordo com regulamento, o BET não permite pagamento retroativo.

Dr. MEDEIROS, apelando para seu conhecimento jurídico e considerando que a PREVI foi a causadora do atraso no pagamento, está correta a interpretação que me foi passada pela atendente? Observe, Dr. MEDEIROS, que no caso do BET, há um enorme prejuízo para os participantes do plano 1 e, a meu sentir, uma grande apropriação indébita pela Previ. Permita-me solicitar que faça uma análise de sua FOPAG (já disponível no site da Previ) e poste, por obséquio, seu entendimento/esclarecimento sobre o assunto aqui no seu blog.
Um forte abraço.
Luiz Carlos

Anônimo disse...

Mais um pepino para as associações de aposentados resolver: o não pagamento do reajuste sobre o BET.
Se a Previ não quiser pagar, que a PREVIC pague então. Por que ela demorou tanto em autorizar o reajuste em janeiro?

Anônimo disse...

A minha diferença bruta do BET seria de 675 reais.

WILSON LUIZ disse...

Caro Célio, 16 maio, 18:08 hs.

Não haverá reajuste em junho,ele foi assassinado no assalto que o Banco do Brasil acaba de cometer sobre uns pobres velhinhos aposentados. O próximo será em janeiro/2014, aí já com o INPC de janeiro/dezembro-2013, uns 6 ou 7%.

Ademar disse...

Com relação a Fopag de maio/2013, só tenho uma coisa a dizer, estamos sendo brutalmente roubados e nada vai acontecer,como sempre.
Cambada de bandidos.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, tudo bem com o senhor?
Não o achei nos comentários.
Estou preocupada.

Anônimo disse...

Está correto o entendimento da Previ com relação ao BET.

carlosdomini disse...

Sempre achei e uma vez um fiscl do INSS me disse lá pelos idos de 1973 que no Brasil qualquer resolução ou regulamento vale mais que uma Lei e é a pura verdade. Sinto um dos pecados qunado vejo como a Previ trabalha, verdadeiras mentes brilhantes pois colocar lá esta clásula no regulamento do plano previ 1 Item XXXI do art 110 é ser visionário porém não entra em minha cabeça mas pudera Regulamento acho que não precisa mais ser votado, não é assim Dr.Medeiros?

Medeiros disse...

Estou envolvido num trabalho urgente, por isso não tenho participado nos comentários. Hoje tenho encontro com os diretores da ANABB que estarão de visita ao Estado e farão reunião na AFABB RS. Após, farei postagem sobre os assuntos em pauta.












































Anônimo disse...

A atuação da Previ em relação ao Bet está correta e dentro do regulamento.Esse regulamento não foi alterado.Se houve atraso na execução do reajuste e foi proposital, quem sabe?Como na sugestão genial da formula miraculosa sugerida por um dos nossos e apoiada por muitos- a formula 170 do ES-, também a sugestão de mudança da data base de reajuste para janeiro foi sugerida e apoiada em nosso meio.
Como no ES, a Previ aproveitou.
Quando novas ideias forem sugeridas devem ser bem melhor analisadas.
A redução da reserva de contingencia está "em pauta".De olho na resolução "retirada de patrocinio", essa redução precisa ser bem discutida.

Anônimo disse...

Ilustre Doutor Medeiros, saudações respeitosas.
Bom dia a todos.

"A conta-gotas" são tratados vários assuntos do nosso interesse(Resolução, judiciário, reajuste do Benefício, etc.).
A maioria da população do PB1 da PREVI constitui idosos e longevos.
É contra-senso tratar dessa população, "a conta-gotas", concorda?

Grato por tudo e PAZ E BEM!

Fernando Lamas
Valinhos(SP)

"Haverá investigação, sobre os projetos do injusto e o rumor das palavras dele chegará até o Senhor e seus crimes ficarão comprovados."
Sabedoria 1,9.

Anônimo disse...

DIREITO DO CONSUMIDOR - Não está correto o regulamento nem a ação da PREVI pois tal resulta em pratica de prejuízo direto a consumidor sendo que o consumidor não tem acesso à modificação ou optar pela não aplicação de tal preceito.

Anônimo disse...

A alegação que isso seria pagamento retroativo não está correta, pois ao fixar o aumento em janeiro de 2013, o pagamento não é mais retroativo mas sim divida para com o consumidor. Pagamento retroativo foi o primeiro pagamento do BET quando da sua criação - eis que não existia a obrigação e ela foi criada com vigência retroativa. O aumento foi do beneficio e, portanto, de todas as verbas vinculadas a ele - no caso o BET representa 20% do beneficio.

Anônimo disse...

Caro Wilson Luiz, eu sei q não teremos reajuste em junho. Só desejo calcular as nossas perdas devido a antecipação para janeiro. Celio Vilela

Anônimo disse...

Medeiros, no blog do Ari um comentário diz q a norma q proíbe reajuste retroativo do BET foi aprovada em abril de 2013, segundo a Previ. Será q é verdade? Isso não seria má fé, visto q teríamos um reajuste retroativo a janeiro? Medeiros, o q dizer dessa diretoria da Previ? Celio

Anônimo disse...

MESTRE MEDEIROS;


Apesar de o Sr. não precisar, pois é homem muito inteligente, vou sugerir no entanto o título do seu próximo artigo: PREVI - ALTA SACANAGEM!

Anônimo disse...

Algum colega poderia me ajudar,parcelei meu Imposto deRenda em três vezes.Paguei a primeira dia 30 de Abril no valor de R$638,83.O BB não calcula a segunda prestação, o caixa se recusou e a gerente mandou que eu procurasse a Receita.
Gostaria de saber qual o valor dos juros para pagamento da segunda prestação no dia 31 de Maio.
Agradeço.

carlosdomini disse...

Meu caro Medeiros aproveite esta reunião e questione se possível em meu nome carlos emidio pitanga domini 1810680-3 o porque a Anabb só fica a dizer amém a tudo que a Previ faz. pergunto se o pagamento fosse feito em janeiro o BET seria pago, em 2011 retroagiram para 2010 e colocaram lá ás caladas um art onde proibe pagamento retroativo do BET talvez prevendo perdas etc. O papel da Anabb é não transcrever emnsagens e sim analisá-las abrir para debates de que adianta ficar passeando e nada resolver. está ai a Resolução ou que nome tenha 1.343 sobre imposto de renda, ningu[em diz nada.Quantoa aaffabb nad posso falar porque não sou filiado somente sei que muitas inclusive a aafbb somente faz churrasquinhos quase que o ano todo.Estou revoltado com tanta ilusão que este infeliz partido trouxe para nós

Paulo Beno disse...

Se o regulamento da PREVI não preve pagamentos retroativos do BET, nem houve alterações sobre tais pagamentos, perguntamos:
- COMO PAGARAM A 1ª PARCELA DE 2011, COM OS ATRASADOS (12 MESES) DE 2010 ???????? ( pagaram contra o Regulamento ?????) -
Deixei de ganhar (PERDI )R$ 275,36 - Vamos cobrar na Justiça ?

Anônimo disse...

Excelentíssimo Dr. Medeiros.

Assim como o PDV foi um divisor de águas entre o BB e seus funcionários, ante a desmesurada "maldade" e "injustiças" explícitas perpetradas, com consequências nefastas e danosas para ambos os lados, que certamente perdurarão "para sempre"; acredito que a PREVI conseguiu agora o mesmo efeito, ao sonegar DESCARADAMENTE, o que é nosso por legítimo direito (REAJUSTE DO BET ENTRE JANEIRO/ABRIL/2013). Comentei com algumas pessoas do meu círculo de amizades e nenhuma quis acreditar em TAMANHA DESONESTIDADE.

Recife-PE, 17.05.2013 - Carlos André da Silva

Anônimo disse...

BET RETROATIVO - Então os funcionários que ainda estão na ativa não receberão o BET eis que ele não pode ser pago com retroatividade (não importa falar que ele está em conta separada - ele não foi pago pq quem o deveria receber não o recebeu e não pode dispor dele e portanto ainda não é dele. É sim uma provisão para futuro pagamento ora quando ele aposentar ele passa ter direito a receber BET que nem os demais aposentados, mas e os retroativos???

Anônimo disse...

Com relação ao reajuste de 3,82%, aprovado e determinado para ser feito a partir de 1º de janeiro de 2013, notei que com relação à verba 350 (BET) só aconteceu a partir de 1º de maio de 2013. No caso entendo aque não existe retroatividade a 1º de janeiro de 2013, pois esta data foi acordada, aprovada e determinada ou seja, começar em 1º de janeiro e não à partir de 1º de maio. Gostaria de esclarecimentos a respeito. Grato.Anônimo

Anônimo disse...

Boa noite,Dr.Medeiros.Ao Colega anônimo das 12:59h. Simples assim:somente juros de 1% a.m.,ou seja,R$6,39.Preencher o Darf.A última,em 28.6.13,juros de 1%mais a última selic a divulgar.Eu parcelei em 8vezes de R$ 381,19 débito em conta,informado na própria declaração.Espero que o sintema calcule esse encargo,debitando o total.Edmílson em Januária mg.

Anônimo disse...

Os recursos para pagamento do BET não estão apartados em uma conta?

Por acaso esses recursos não estão aplicados, ou sendo ATUALIZADOS?

Se sim, porque não pagar os BETs atrasados com ATUALIZAÇÃO?

Tão de sacanagem!!!


João

Anônimo disse...

Medeiros, ao ver tantos anônimos e pessoa assinando como Anônimo, vejo um grande temor por parte de aposentados com relação à possíveis represálias do BB ou da Previ. Isso demonstra um sentimento de pequenez em relação aos q deveriam nos proteger e, ao contrário, nos oprimem. Se tiver algum psicólogo no blog, peço o favor de dar a sua opinião. Eu vejo um grito com medo, um grito baixo, para q ninguém o descubra, sem querer se mostrar. Agindo assim estamos desvalorizando os nossos direitos. Pensem sobre isso, Anônimos anônimos. Melhor pingar só se for nas suas casas, na minha luto para q jorre. Celio Vilela

Anônimo disse...

Dr Medeiros,

Para o colega em dúvidas sobre o cálculo da parcela do IR, informo que no site da receita há como se fazer o cálculo e até conseguir o DARF preenchido.

Anônimo disse...

Medeiros,tudo anda muuuito devagar mesmo, principalmente o teu blog.
Não se tem resposta as perguntas feitas.Ha dias atrás fiz uma pergunta sobre o empréstimo do Banco Alfa, se a margem fica honerada e não tive resposta.Agora pedi ajuda para o calculo da segunda parcela do IR que vencera em 30 de Maio e mais uma vez silencio total.Mesmo que os colegas não tivessem boa vontade de me responder, você como responsável pelo blog poderia ter mais cuidado e dar ATENÇAO a quem frequenta teu blog.Ainda mais que você da muuuuita importância a números.

Medeiros disse...

Calma colega anônimo. No blog tem pessoas gabaritadas para responder as indagações, como ocorreu acima, até melhor do que eu. A força do blog está mais nos frequentadores e seguidores do que no dono. Calma.

Anônimo disse...

Brabo o anônimo das 10.13! Lógico que o valor do Alpha oneram a margem consignada. Quanto ao IR, você pode extrair o DARF no site do BB que já virá calculado com os acréscimos.

Anônimo disse...

Pera um pouco! Aí já é querer muita moleza; quer os outros trabalhando.Pergunte ou pesquise direto na fonte.Calma e boas maneiras.

Anônimo disse...

Aos colegas que me responderam agradeço a informação.

Anônimo disse...

Dr Medeiros, o senhor como um grande advogado poderia me responder essa pergunta o banco pode não pagar os cheques para pagar cheque especial que não renovaram? Deposito para pagar os cheques e o banco tira , e devolve os cheques. Meu Deus o que é isso?